Prensa de Canecas Pneumática

Marcos Gervazoni

Marcos Gervazoni

Comecei com Sublimação em 2010, numa época onde as informações eram muito difíceis de ser encontradas. Desde 2017 à frente da Central da Sublimação para facilitar a vida de quem quer começar.

Faça como mais de cinco mil pessoas

Entre para nossa LISTA VIP e receba conteúdos exclusivos todas as sextas-feiras

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp

Bem menos conhecida no mercado, a Prensa Cilíndrica Pneumática, tem um aspecto mais robusto e, óbvio, um preço um pouco mais elevado. O funcionamento dela é similar a da Prensa Manual. Os dois modelos personalizam os mesmos produtos.

A principal diferença (e vantagem) da Prensa Pneumática é a não necessidade de regular a pressão.

Também cabe destaque para as opções mais avançadas da Central Eletrônica que permite salvar configurações em sua memória e também fazer correções de temperatura para um acerto mais efetivo.

O fechamento da resistência térmica é feito de maneira automática após a confirmação, via Central Eletrônica, de início de operações.

Um fuso com um pistão pneumático se projeta em direção da resistência a fazendo abraçar a caneca. Após o tempo configurado esse mesmo pistão é recolhido, fazendo a resistência térmica se abrir.

Prensa Pneumática
Sistema de Fechamento de uma Prensa Pneumática

Gostou? Envie a um amigo!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Gostou? Compartilhe com seus amigos:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on email
E-mail

Artigos Relacionados

avaliação

GOSTOU DO QUE LEU?

Clique no botão ao lado e diga o que você acha da Central da Sublimação!

Dúvidas? Me chame!