Fotoprodutos: posso sublimar qualquer coisa?

Marcos Gervazoni

Marcos Gervazoni

Comecei com Sublimação em 2010, numa época onde as informações eram muito difíceis de ser encontradas. Desde 2017 à frente da Central da Sublimação para facilitar a vida de quem quer começar.

Faça como mais de cinco mil pessoas

Entre para nossa LISTA VIP e receba conteúdos exclusivos todas as sextas-feiras

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp

Para que seja possível sublimar e personalizar fotoprodutos (substrato) não basta apenas que ele seja branco. Este é um equívoco comum de quem está começando no mercado e ainda não entende muito bem sobre as características do processo de Sublimação.

Os fotoprodutos para sublimação são os substratos que irão receber a estampa. São ele que se transformarão no produto final e serão entregues aos clientes. Por isso é importante saber escolher os fotoprodutos e entender como acontece o processo.


Fotoprodutos Rígidos: porcelana, madeira ou alumínio

Seguindo a lógica de haver condições especiais para a tinta sublimática e também no papel para sublimação, o substrato também necessita de uma condição especial.

Em caso de produtos rígidos, como uma caneca, eles precisam ser revestidos com uma resina de poliéster. Esta resina é a responsável pela fixação permanente da tinta no produto, dando forma a personalização. Por causa da necessidade desta resina não é possível sublimar qualquer produto, seja ele de porcelana, de madeira ou de alumínio.

Esta camada de resina é necessária pois a sublimação não ocorre na porcelana, na madeira ou no alumínio. Ela acontece, e sempre acontecerá, em fibras sintéticas como o poliéster. Este fato impossibilita que se compre qualquer caneca de supermercado para realizar a personalização. Portanto é ideal que sempre se teste a qualidade da aplicação da resina do substrato adquirido para que se tenha a segurança de oferecer um fotoproduto de qualidade ao cliente. No momento da compra é fundamental certificar-se de que o substrato é um produto específico para sublimação. 


Fotoprodutos de Tecido: precisa resinar?

A sublimação em tecidos acontece nas fibras sintéticas. Por isso o tecido mais indicado para personalizações é o tecido poliéster, mas também vale qualquer tecido que tenha fibras sintéticas em sua composição. É necessário entretanto que se tenha atenção à composição do tecido que se irá sublimar: a qualidade da sublimação vai acontecer no percentual (%) de poliéster (ou qualquer fibra sintética) presente no tecido.

Tecidos como o PV (poliviscose) que tem uma composição de 67% poliéster e 33% de viscose terão como resultado uma estampa com aparência estonada. Isso acontece pois a sublimação teve uma  taxa de 67% de aplicação. Fixou-se de maneira permanente apenas no percentual de fibra sintética. Quanto maior este percentual, mais nitidez terá a estampa. É importante conhecer e compreender este processo, pois permitirá o uso da criatividade para diversas criações de fotoprodutos com diferentes tipos de acabamentos.

Em resumo, quando maior o percentual de poliéster, maior a qualidade da estampa. Tecidos que possuem um percentual menor de poliéster em sua composição, apresentarão uma estampa mais “opaca”. A grosso modo e comparando uma com a outra, tecidos com composição menor de 100% possuem a característica semelhante a de tecidos que sofreram inúmeras lavagens e desgaste da ação do tempo. Em comparação aos com 100% em poliester, tecidos com um percentual menor em sua composição ficarão com aspecto de uma imagem desgastada e descolorida.

Algodão e demais fibras naturais não recebem a tinta sublimática de maneira permanente, ocasionando o desbotamento após poucas lavagens e não sendo indicados para o processo de sublimação. Mesmo logo após o processo de sublimação, pelo fato de não absorverem a tinta sublimática, a estampa apresentará um aspecto desbotado.

Apesar de possível, entenda o motivo pelo qual não recomendamos que a aplicação da resina seja feita por você.

Gostou? Envie a um amigo!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Gostou? Compartilhe com seus amigos:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on email
E-mail

Artigos Relacionados

avaliação

GOSTOU DO QUE LEU?

Clique no botão ao lado e diga o que você acha da Central da Sublimação!